De revelação a Rei. Representações sobre Pelé na revista A Gazeta Esportiva Ilustrada nas décadas de 1950 e 60

Biblioteca

Seja um dos 13 apoiadores do Ludopédio e faça parte desse time! APOIAR AGORA
ISSN 1809-1296

De revelação a Rei. Representações sobre Pelé na revista A Gazeta Esportiva Ilustrada nas décadas de 1950 e 60

Periódico / Revista

Esporte e Sociedade

Número

n. 27

Volume

v. 11

Páginas

p. 1-34

Cidade

Niterói

Arquivos

Resumo

Desde que disputou sua última partida como jogador de futebol profissional, mas não apenas, Pelé tem circulado por diversos domínios e frequentado os mais diferentes contextos sociais. No entanto, apesar do intenso trânsito social de Pelé – que, não raro, o expõe a críticas de ordem diversa –, as representações produzidas a partir de sua atuação como futebolista, longe de estarem adormecidas no passado, ainda se fazem fortemente presentes na constituição de sua imagem pública. O objetivo deste artigo consiste, fundamentalmente, em analisar, a partir de conteúdos simbólicos veiculados pela revista A Gazeta Esportiva Ilustrada nas décadas de 1950 e 60, as representações produzidas sobre Pelé quando de sua atuação nos campos de futebol. Com base nesta análise, objetiva-se, também, refletir sobre a construção de Pelé como um símbolo nacional que, enquanto futebolista, tornou-se encarregado de satisfazer a algumas das mais caras aspirações dos brasileiros.

Palavras-chave: Representação; Mídia impressa; Pelé

Abstract

Since he played his last match as a professional football player, but not only as such, Pelé has been travelling through several domains and attending different social contexts. However, despite Pelé’s intense social traffic – which often exposes him to criticism from various kinds –, the representations produced from his actions as a footballer, far from being asleep in the past, are still present in the constitution of his public image. This study aims to analyze the representations of Pelé that are related to the period in which he was footballer, from symbolic contents produced and diffused by A Gazeta Esportiva Ilustrada in the 1950s and 60s. Based on this analysis, this paper also aims to reflect upon the construction of Pelé as a national symbol who, as a footballer, became in charge of satisfying some of the most cherished aspirations of the Brazilians.

Keywords: Representation; print media, Pelé

Cadastre-se para receber novidades