Qualidade de vida de jogadores das categorias de base do Futebol

Biblioteca

Seja um dos 13 apoiadores do Ludopédio e faça parte desse time! APOIAR AGORA
ISSN 1984-4956

Qualidade de vida de jogadores das categorias de base do Futebol

Arquivos

Resumo

A Qualidade de vida é definida pela Organização Mundial da Saúde como a percepção do indivíduo sobre a sua posição na vida no contexto cultural e dos sistemas de valores nas quais ele vive, e em relação a seus objetivos, expectativas, padrões e preocupações. Com isso, o objetivo desse estudo foi analisar a Qualidade de vida de atletas das categorias de base do futebol da Grande Florianópolis. Sendo uma pesquisa descritiva de natureza quantitativa e com delineamento do tipo transversal. Participaram do estudo 58 atletas de categorias de base de dois clubes da região da Grande Florianópolis. Para avaliação da Qualidade de vida foi utilizado o Inventário Pediátrico de Qualidade de Vida™ (PedsQL™ 4.0), visando avaliar a qualidade de vida relacionada a saúde (QVRS). Esse instrumento avalia quatro dimensões: funcionamento físico, emocional, social e escolar. A distribuição não normal dos dados foi confirmada após a análise do teste de Kolmogorov-Smirnov. Para comparação entre as variáveis contínuas, foi realizado o teste Kruskal-Wallis. Desse modo, o resultado encontrado com menor pontuação foi no domínio emocional, na qual os atletas vivem um processo de ensino-aprendizado desgastante, com cobranças exagerada, afetando o psicológico. Com isso, é de grande importância o apoio social, familiar e do clube, no qual o incentivo ajuda esses jovens a tomarem as melhores decisões.

Abstract

Quality of life is defined by the World Health Organization as an individual's perception of their position in life in the cultural context and value systems in which they live, and in relation to their goals, expectations, standards and concerns. Thus, the aim of this study was to analyze the quality of life of athletes of the basic categories of football of Greater Florianópolis. Being a descriptive research of quantitative nature and cross-sectional design. Fifty-eight athletes from two categories of two clubs from the Greater Florianópolis region participated in the study. To assess Quality of Life, the Pediatric Quality of Life Inventory ™ (PedsQL ™ 4.0) was used to assess healthrelated quality of life (HRQoL). This instrument evaluates four dimensions: physical, emotional, social, and school functioning. Nonnormal distribution of data was confirmed after analysis of the Kolmogorov-Smirnov test. For comparison between continuous variables, the Kruskal-Wallis test was performed. Thus, the result found with the lowest score was in the emotional domain, in which athletes live an exhausting teaching-learning process, with exaggerated demands, affecting the psychological. Thus, social, family and club support, where encouragement helps these young people make better decisions, is of great importance.
Cadastre-se para receber novidades